RSS

Panorama 360 graus Favela Santa Marta no Rio de Janeiro

9 Comments | This entry was posted on Jul 08 2010

Do alto da Favela do Santa Marta, localizada em Botafogo, no Morro Dona Marta, Rio de Janeiro, a vista panorâmica é deslumbrante, digna de uma foto 360 graus. Mas eu preferi retratar ao meu redor uma cena mais interna da vida, do dia a dia ali nestas ruelas e escadarias por onde todos passam todos os dias. Faça sol, ou faça chuva, este é o caminho obrigatório dos moradores dali.

Para ver no iPAD com som ou no iPHONE/iPodTouch click aqui neste hotlink

Click aqui em cima desta imagem panoramica para visualizar uma ruela da Favela Santa Marta, em foto 360 graus do AYRTON especialista e pioneiro no Brasil da tecnica de fotografia panoramica imersiva

Click na foto acima e veja a favela Santa Marta

Ela é conhecida como Santa Marta por causa de uma escultura da santa homônima e que fica guardada em uma capela bem lá no alto na parte mais alta da favela.
Essa mistura de nomes começou porque os jornalistas sempre chamaram de Dona Marta desde o início dos anos 80, porque ali perto, mais acima, tem o mirante com esse nome.
O nome parece que começou há muito tempo. Teve um Pde. Clemente que teria comprado TODAS as terras que hoje forma o bairro de Botafogo. E ele em 1680, batizou o morro em volta das terras homenageando sua mãe, Marta, e que morreu alguns anos depois quando estava quase completando 100 anos. Por isso ficou o nome de Dona Marta.

E o mais interessante é que foi ele mesmo que mandou abrir uma trilha, um caminho que era para ligar a praia de Botafogo até a sua igreja, , e que hoje é conhecida como Rua São Clemente, aonde eu moro hoje e que é uma das mais importantes do bairro.
Outra coisa muito louca de se pensar é que TODO o terreno aonde está hoje a favela pertencia ao Colégio Santo Inácio !!!
A maioria dos primeiros moradores desse local, era formada pelas famílias que vieram trabalhar para ampliar a igreja do Colégio Santo Inácio. Eram agricultores que vieram do Vale do Paraíba logo depois da crise do Café em 1929.

Eu sempre gostei de ir lá fazer minhas fotos 360 graus, por causa da riqueza de belas imagens que ali existem. As pessoas são simpáticas, gentis e dispostas a mostrar ao Mundo a realidade dos que ali vivem.

Essas cenas que nos mostram a economia dos moradores, e ao mesmo tempo a alegria nos olhos das crianças brincando e os gatos correndo pelas escadas, me fazem pensar sobre o dia a dia, sobre nossa sociedade e as injustiças que acontecem no nosso País.

Somos todos cumplices, tanto do que acontece de bom, quanto de ruim.

Este é o Brasil, e as favelas fazem parte do nosso cotidiano.

Espero que gostem e deixem seus comentários aqui no site

360 abraços
Ayrton

Post to Twitter Post to Delicious Post to Digg Post to Facebook Post to StumbleUpon

GloboNews entrevista : fotos 360 graus : 03/05/2010

8 Comments | This entry was posted on May 05 2010

Alô a todos !!!

QUAIS SÃO OS LIMITES DA MANIPULAÇÃO DA REALIDADE ?

O programa de TV “Ciência e Tecnologia” do canal GloboNews, através do twitter deles me convidou para uma entrevista em um especial sobre manipulação de imagens, onde tive a oportunidade de falar sobre minhas fotos 360 graus.

A entrevista ficou bem legal e foi ao ar no dia 03 de maio de 2010 as 21:30 h pelo canal GloboNews.

Para aqueles que perderam, aqui está o vídeo.

Obrigado aos que assistiram e me enviaram dezenas de elogios e mensagens, via email, sms, telefone, twitter, facebook, etc …

Não deixem de visitar o blog do programa e comentar por lá também.

TODA a equipe de produção do programa é nota DEZ,

Agradeço também ao Rafael Coimbra que foi super gente fina me entrevistando com a maior calma do Mundo.

Espero que gostem do papo sobre panoramas 360 graus e comentem por aqui também

360 abraços
AYRTON

Post to Twitter Post to Delicious Post to Digg Post to Facebook Post to StumbleUpon

Foto 360 graus do Rio de Paz pelas chuvas em Copacabana

0 Comments | This entry was posted on Apr 17 2010

FOTO 360 GRAUS RIO de PAZ

No sábado 17 de abril de 2010, nas areias da praia de Copacabana a ONG – “Rio de Paz”, construiu um cenário impressionante de um barraco de favela.

O barraco foi construído com pedaços de barracos originais retirados dos escombros após os desabamentos que causaram a maior tragédia do Rio de Janeiro, quando centenas de pessoas morreram soterradas por lama, escombros, árvores, terra, etc …

No cenário montado, podíamos todos ver o interior do barraco, o lixo por perto , a vala aberta no chão com duto de esgoto e ratos convivendo com as crianças que ali brincam.

Um fake cadáver também foi colocado, para mostrar um pouco do dia a dia da vidas destas pessoas das comunidades carentes.

Um alerta a todos que ali passam.

Click aqui em cima desta imagem panoramica para visualizar o cenário de favela montado pela ONG Rio de Paz, nas areias de Copacabana, no Rio de Janeiro, em foto 360 graus do AYRTON especialista e o pioneiro no Brasil da tecnica de fotografia panoramica imersiva

Click na imagem acima para visualizar em 360 graus o manifesto da ONG “Rio de Paz”

Se todos nós fizermos um pouquinho, será melhor para todos.

O lixo que contamina os rios, o mar, entope os bueiros, as valas, o esgoto não tratado que é jogado in natura, as encostas dos morros que não são devidamente protegidas impedindo que nelas se formem comunidades correndo o risco certo de desabamento, são algumas das atitudes que podemos tomar.

Comece hoje a cuidar um pouco mais da sua cidade e assim preservar o futuro de todos.

Para mais informações de como você pode também ajudar a ONG – “Rio de Paz” click aqui.

360 abraços
Ayrton

Post to Twitter Post to Delicious Post to Digg Post to Facebook Post to StumbleUpon

Marina Silva do PV em foto 360 graus panoramica

0 Comments | This entry was posted on Apr 17 2010

FOTO 360 GRAUS PALESTRA MARINA SILVA

Em 12 de abril de 2010, no salão de conferências do Hotel Flórida, no Catete, Rio de Janeiro, Marina Silva, candidata à Presidência da República pelo PV (Partido Verde) palestrou para um público seleto.

Click aqui em cima desta imagem panoramica para visualizar e ouvir trecho da palestra da Marina Silva, no Rio de Janeiro, em foto 360 graus do AYRTON especialista e o pioneiro no Brasil da tecnica de fotografia panoramica imersiva

Click na imagem acima para visualizar em 360 graus Marina Silva em palestra no Rio

Essa foi a Programação do dia:
Conferência da Fundação Heinrich Böll no Rio de Janeiro
Local: Hotel Flórida – Rua Ferreira Viana, 81. Flamengo
Tel: (21) 21956800
Dia 12: Evento aberto com a senadora Marina Silva
Local: Hotel Flórida – Salão Guanabara, Centro de Convenções (em frente ao prédio principal)

Programação:
Dia 12 – Noite

18h30 – Mesa de abertura
Barbara Unmüssig (diretora geral da Fundação Heinrich Böll), Alfredo Sirkis (presidente do PV no Rio de Janeiro) e Bärbel Höhn (deputada federal do PV, Alemanha)

19h – Palestra com a senadora Marina Silva

20h30 – Lançamento do livro “Territórios do futuro – Educação, meio ambiente e ação coletiva”, de Jean Pierre Leroy

21h – Recepção / Coquetel

Post to Twitter Post to Delicious Post to Digg Post to Facebook Post to StumbleUpon

Sirkis Vereador e Presidente Estadual do PV em foto 360 graus

0 Comments | This entry was posted on Apr 15 2010

FOTO 360 GRAUS SIRKIS

Em 12 de abril de 2010, no salão de conferências do Hotel Flórida, no Catete, Rio de Janeiro, Sirkis, candidato a Deputado Federal pelo PV (Partido Verde) palestrou em evento.

Click aqui em cima desta imagem panoramica para visualizar e ouvir trecho da palestra do Sirkis, no Rio de Janeiro, em foto 360 graus do AYRTON especialista e o pioneiro no Brasil da tecnica de fotografia panoramica imersiva

Click na imagem acima para visualizar foto 360 graus Sirkis em palestra no Rio

Essa foi a Programação do dia:
Conferência da Fundação Heinrich Böll no Rio de Janeiro
Local: Hotel Flórida – Rua Ferreira Viana, 81. Flamengo
Tel: (21) 21956800
Dia 12: Evento aberto com a senadora Marina Silva
Local: Hotel Flórida – Salão Guanabara, Centro de Convenções (em frente ao prédio principal)

Programação:
Dia 12 – Noite

18h30 – Mesa de abertura
Barbara Unmüssig (diretora geral da Fundação Heinrich Böll), Alfredo Sirkis (presidente do PV no Rio de Janeiro) e Bärbel Höhn (deputada federal do PV, Alemanha)

19h – Palestra com a senadora Marina Silva

20h30 – Lançamento do livro “Territórios do futuro – Educação, meio ambiente e ação coletiva”, de Jean Pierre Leroy

21h – Recepção / Coquetel

Post to Twitter Post to Delicious Post to Digg Post to Facebook Post to StumbleUpon

Panoramica 360 graus Passeata do Petroleo do RIO :: Foto Imersiva

2 Comments | This entry was posted on Mar 18 2010

O povo do RIO se uniu para dizer não a covardia, não ao políticos que querem roubar o que pertence ao território do Rio de Janeiro.

Aqui neste momento mágico, debaixo de um dilúvio a manifestação dos cariocas em passeata pela luta do petróleo do Rio.

Fotografei sem nem conseguir enxergar nada, pois meus óculos estavam totalmente molhados e embaçados, e a água pesada que caia do céu molhava a camera, a lente, o rc, enfim tudo ficou ensopado. Minha mochila, meu colete, minhas roupas, sem exceção, pareciam um pano de chão hehehe. Só posso dizer que fico feliz de usar NIKON, pois as cameras nem pestanejaram, debaixo d’água funcionando perfeitamente, aliás como sempre hehehe

FOTO 360 GRAUS PETROLEO RIO

Click nesta foto 360 graus para visualizar a manifestação pelo petróleo do RIO em foto 360 graus do AYRTON especialista e pioneiro no Brasil da tecnica de fotografia panoramica imersiva

Click aqui para ver a foto 360 graus debaixo de um dilúvio, uma chuva torrencial

Click na imagem acima para visualizar o panorama 360 graus da manifestação pelo petróleo do Rio.

Espero que este pesadelo contra o Rio não aconteça, pois será um caos na economia do nosso estado.
Lembrando que iremos hospedar as Olimpíadas em 2016 e a falta de recursos, se nos forem roubados irão prejudicar com certeza a organização dos Jogos Olímpicos.

Moro em Botafogo, perto da Favela do Dona Marta e lembro bem de constantemente acordar no meio da noite ouvindo os tiroteios que sempre aconteciam lá com os traficantes drogados e inescrupulosos mantendo um clima de terror entre os honestos moradores.

Hoje, tanto o Dona Marta quanto outras favelas do Rio estão pacificadas pela instalação de diversos UPPs em muitas delas.

Foram centenas de novos policiais contratados para isso.
E agora, se a economia sofrer este baque, esta perda imensa de fundos, com certeza corremos o risco de não haver mais condição de pagar os salários destes novos policiais e quem sabe, até acabarem as UPPS o que traria o terror de volta para as favelas hoje pacificadas.

Essa proposta indecente do Sr. I. Pinheiro em Brasília é realmente um absurdo.
Espero que o Senado e o Presidente Lula, ajam pelo que é correto e não permitam o roubo institucionalizado.

VIVA o RIO

360 abraços a todos e obrigado por aqui passarem e deixarem seus comentários.
Ayrton

Post to Twitter Post to Delicious Post to Digg Post to Facebook Post to StumbleUpon

Panoramicas 360 graus blocos de rua Carnaval 2010 Rio de Janeiro

18 Comments | This entry was posted on Feb 17 2010

E é Carnaval mais uma vez. E o Rio de Janeiro é a capital do Carnaval Brasileiro sem sombra de dúvida.

O Mundo observa as imagens maravilhosas dos Desfiles das Escolas de Samba e a cada ano vem aumentando o interesse pelo Carnaval de Rua da Cidade Maravilhosa.
Este ano, foi também, provavelmente, o mais quente. O calor esteve brabo, passando dos limites do suportável. Eu praticamente derreti hehehe
Mas não é por isso que ia deixar de fazer algumas fotos 360 graus da folia, dos blocos, das ruas, das multidões que se encontram para brincar, pular e se divertir no Rio.
Então fomos a rua contratados por uma empresa a qual ainda não posso citar e fotografamos alguns Blocos neste Carnaval maravilhoso que é o do Rio de Janeiro.

PANORAMA 360 GRAUS do CÉU NA TERRA

Neste aqui podemos ver a alegria que reina no Bloco Céu na Terra que “passeia” por Santa Teresa, bairro típico dos boêmios e dos foliões cariocas. A concentração acontece no Largo dos Guimarães e se estende pelas ruas do bairro, impedindo que o tremzinho passe por toda a extensão dos trilhos. Foram cerca de 5 mil pessoas acompanhando e dançando. O momento top é quando o Bloco chega no Largo das Neves onde fica até se esgotarem as forças dos foliões, e dos músicos também :-)
A paisagem é especial, passando por casas antigas e ruas que parecem fazer parte de um passado distante do Rio antigo.


Click nesta foto 360 graus para ver o bloco carnavalesco Céu na Terra em  foto 360 graus do AYRTON especialista e pioneiro no Brasil da tecnica de fotografia panoramica imersiva

Click aqui para ver a foto 360 graus acima

Espero que gostem da Panorâmica Imersiva e curtam tanto o visual quanto o aúdio porque vou contar o seguinte: Deu trabalho paca, estava um calor alucinante, e fomos pisoteados o tempo todo.
Fora que todo mundo te puxa e diz com aquela cara de maluco:
– Pô faz uma foto minha aqui tbm.
– Hei, eu quero aparecer na grobo !
– Puxa, faz uma fotinha minha tbm…
– Alô seu fotógrafu, faz um click meu p/eu botá no meu orkuti hehehe
– Olha eu aqui com a gata ! faz a foto aê prus meus amigus vê.

E por aí afora vai. Uma pertubação, principalmente porque te puxam, seguram na correia das cameras, te pegam pelo cabelo, te abraçam (aarrrggghhh) e outras coisitas mais hehehe
Se vocês procurarem com calma vão achar a minha esposa @Andrea_360 (perfil no twitter) no meio da muvuca sendo esmagada enquanto aguardava eu fotografando, e ela capturava o áudio p/ilustrar sonoramente o Panorama Imersivo.
Aliás eu acho que Panorama Imersivo TEM que ter aúdio para passar a Imersão no ambiente 360 graus. Sem isso fica meia boca, olhar para a cena no silêncio total é meio fora do contexto de multimídia dos dias de hoje.

PANORAMA 360 GRAUS do CORDÃO DA BOLA PRETA

E aqui é a loucura total. Na Avenida Rio Branco, no Centro do Rio, mais precisamente na Cinelândia, o Cordão da Bola Preta reuniu este ano, 1.500.000 de pessoas !!!
Isso mesmo, um milhão e meio de pessoas, foliões e curiosos que participam gratuitamente deste Carnaval glorioso. Para todos os lados que se olha nessa foto 360 graus é um “mar” de gente, de pessoas, de uma multidão colorida pulando e sambando ao som das marchinhas mais populares do Brasil.
As escadarias da Biblioteca Nacional ficaram lotadas de foliões também, pois aqui no chão, no asfalto era quase impossível se mover.
Observar esta foto panorâmica 360 graus é como ter a prova real da quantidade de pessoas ali reunidas num só momento.


Click nesta foto 360 graus para ver o bloco carnavalesco Cordão da Bola Preta em  foto 360 graus do AYRTON especialista e pioneiro no Brasil da tecnica de fotografia panoramica imersiva

Click aqui para ver a foto 360 graus acima

PANORAMA 360 GRAUS do CORDÃO do BOITATA

Agora a panorâmica 360 graus é da alegria que rolou na manhã do domingo de Carnaval. Na Praça XV, bem ali no Centro do Rio, no coração da Cidade, pertinho do embarque das barcas que levam e trazem a galera para o outro lado da Baía de Gunabara, para a cidade de Niterói, acontece todo ano a festa do Cordão do Boitatá.

Muita gente fantasiada, muitos jovens, muitas fam´ˆlias, enfim, um ambiente divertido e acolhedor com todo mundo pulando e brincando de verdade.

Vale a pena dar um pulinho lá no ano que vem e curtir o Boitatá :-)

Olhem nessa imagem 360 graus , como para todos os lados e até além do que podemos ver como está repleto de foliões pulando, sambando e se divertindo com a música no ar !!!


Click nesta imagem panorâmica 360 graus para ver a folia no domingo de Carnaval do Cordão do Boitatá em  foto 360 graus do AYRTON especialista e pioneiro no Brasil da tecnica de fotografia panoramica imersiva

Click aqui para ver a foto 360 graus acima

Aos amigos, aos visitantes, aos que aqui chegam pela primeira vez, só posso dizer:
Obrigado pela visita e pelos comentários que deixarem aqui mesmo no blog.

360 Abraços
Ayrton

Post to Twitter Post to Delicious Post to Digg Post to Facebook Post to StumbleUpon

Oswaldo Montenegro e seu Apartamento em foto 360 graus e Video depoimento

26 Comments | This entry was posted on Jan 14 2010

FOTO 360 GRAUS do APARTAMENTO do OSWALDO MONTENEGRO

O programa Fantástico do domingo 10 de janeiro de 2010, gravou uma entrevista com ele e também mostrou aos brasileiros o interior desta grande obra de arte plástica, de gosto questionável, porém inusitada e repleta de devaneios do músico. Logo pensei com meus botões: Neste Mundo somente uma boa foto 360 graus, pode realmente mostrar bem esse ambiente. O video que mostraram na tv, engana muito, porque o espectador só vê o que o diretor do programa ou o camera-men, querem mostrar e pelo tempo que eles quiserem.

Em uma foto 360 graus, é você quem decide por quanto tempo quer ver e em qual direção quer olhar !!!


Click nesta foto 360 graus para ver o interior muito loco e super interessante do apartamento do músico cantor e compositor Oswaldo Montenegro em  foto 360 graus do AYRTON especialista e pioneiro no Brasil da tecnica de fotografia panoramica imersiva

Click aqui para ver o apartamento do Oswaldo Montenegro e assistir seu vídeo depoimento

Click na foto acima para ver o interior do apartamento muito “loco”, bem psicodélico, super interessante, e claro, original e inovador do Oswaldo Montenegro.

Todos passaram a comentar, durante a semana, sobre como deve ser habitar dentro de ambiente assim, todo pintado com cores múltiplas e que chega a ser estonteante. Eu mesmo quando estive lá fotografando para O DIA ONLINE, algumas vezes perdia a noção do espaço e da distância das coisas, e das paredes também, visto que tudo, todos os cantos do apartamento eram multicoloridos.

Ok, ok o sofá não estava pintado. Ahhh e o piano, bem o piano ele pintou também, mas depois “levaram” para ser recuperado. O aparelho de recepção de tv a cabo da NET, teve de ser trocado mais de uma vez pois super aquecia com toda essa tinta por cima.

O banheiro, que vou mostrar em outra foto 360 graus, em breve aqui, chega a ser motivo de você se perder, pois não sabe bem aonde fica a … bem deixa pra lá. A privada foi pintada tanto por fora, por cima da tampa, e por dentro do vaso também !!! Como ele pintou, eu não sei, porque normalmente tem água dentro rss rss

Nesse panorama imersivo dessa vez coloquei mais um brinquedinho, que é um vídeo rolando na televisão dele. Para repetir e ver de novo ou mesmo simplesmente parar o vídeo, basta clicar em cima da tela da tv e pronto.

E para os mais curiosos que perderam a entrevista no programa Fantástico, veja aqui abaixo o vídeo da mesma na íntegra.


Bem, e para vocês que passam por aqui, deixo 360 Abraços e muito obrigado pela visita,
espero que gostem de mais essa foto 360 graus, e deixem seus comentários aqui no blog mesmo,
o que me é muito importante, e me deixará bem contente.

E se você gostou deste “Retrato” do Oswaldo e quiser ver outro Retrato em foto 460 graus, veja esse da Cora Ronai que também fotografei em formato de panorama imersivo.

Abraços
Ayrton

Post to Twitter Post to Delicious Post to Digg Post to Facebook Post to StumbleUpon

Luana Piovani foto 360 graus no Fashion Rio 2010

0 Comments | This entry was posted on Jan 12 2010

Click nesta foto 360 graus para ver Luana piovani arrasando corações e cercada de fãs e imprensa no Fashion Rio Inverno 2010 em  foto 360 graus do AYRTON especialista e pioneiro no Brasil da tecnica de fotografia panoramica imersiva

Click aqui para ver a atriz Luana Piovani no Fashion Rio

FOTO 360 GRAUS de LUANA PIOVANI no FASHION RIO 2010

Click na foto acima para ver a polêmica e bela Luana Piovani, arrasando os corações dos fãs e atraindo toda a imprensa a cercá-la de perguntas, entrevistas e também posando para muitas fotinhas junto de todos.

Uma verdadeira multidão circundava a musa, criando a cena perfeita para esta foto 360 graus aonde podemos ver a beleza e carioquice das instalações do Fashion Rio no Cais do Porto do Rio de Janeiro, neste mês de janeiro de 2010, num dos dias mais quentes dos últimos tempos, mais de 40º porém com a sensação térmica que ficou entre 45º e 50º segundo alguns telejornais. O da BAND disse que era de mais de 50º, o do SBT de que era de mais de 45º. Agora quem estava certo nem me importa, o que importa mesmo é que estava MUITO QUENTE, uma loucura total, chega a dar dor de cabeça !

E para fazer essa foto 360 graus foi uma loucura, pois todos reclamavam e queriam estar o mais perto possível da bela, lutando por um passinho mais a frente, o que quase me fez cair, pois perdi o equilíbrio bem na beirinha da rampa. Mas não me derrubaram não, consegui fazer mais um Panorama Imersivo, que acho que ficou bem legal, pois a Luz naquele momeento mágico ajudou e me permitiu capturar esse belo tom do entardecer no Pier Mauá.

O tema que inspirou o Fashion Rio Inverno 2010 foi : Rio Olímpico, Maravilhoso e Fashion
Esta é a 16ª edição do Fashion Rio, nos armazéns do Cais do Porto. Todos os eventos deste ano, acredito que estarão voltados para as Olimpíadas e a Copa do Mundo de 2014 também.

Abraços e obrigado pela visita, espero que gostem, e comentem aqui no blog mesmo, o que me deixará muito contente.
Ayrton

Post to Twitter Post to Delicious Post to Digg Post to Facebook Post to StumbleUpon

Foto 360 graus dentro de apartamento após incêndio !!!

8 Comments | This entry was posted on Dec 27 2009

Click nesta foto 360 graus para visualizar o interior de um apartamento após um incêndio destruir tudo que estava dentro em foto 360 graus do AYRTON especialista e pioneiro no Brasil da tecnica de fotografia panoramica imersiva

Click aqui para ver a foto 360 graus acima

FOTO 360 GRAUS DE APARTAMENTO APÓS INCÊNDIO

Click na foto 360 graus acima para visualizar o interior de um apartamento após um incêndio destruir tudo que estava dentro.

Quando pensamos que isso pode acontecer a qualquer um de nós dá até um nó na barriga. A precaução deve ser constante e intensa.

Este incêndio aconteceu por causa de um curto-circuito no motor de uma geladeira !!! Acreditem, segundo os bombeiros isso pode acontecer a qualquer momento em qualquer casa. E como prevenir isso ? Acredito que só a proteção Divina mesmo, pois não tem como saber a que instante um motor qualquer vai queimar e cuspir labaredas que sirvam de estopim para um incêndio tomar conta de tudo ao seu redor.

Fiquei muito triste com esse acontecimento, pois foi no meu prédio e com uma pessoa muito querida e especialmente boa que aqui trabalha.

Já comecei a fazer minha parte e ofereci as fotos de todos os detalhes e objetos para uso na seguradora, assim como também ofertei ajuda material.

Esta é uma foto 360 graus que eu gostaria de não ter precisado fazer.

Abraços a todos.

Post to Twitter Post to Delicious Post to Digg Post to Facebook Post to StumbleUpon

Foto 360 graus da cratera aberta pela obra na Rua dos Inválidos esquina perto da Igreja de Santo Antônio no Centro do Rio

2 Comments | This entry was posted on Dec 12 2009

Click nesta foto 360 graus para visualizar a cratera aberta na  obra da rua dos Invalidos perto da esquina com a Igreja de Santo Antonio em foto 360 graus do AYRTON especialista e pioneiro no Brasil da tecnica de fotografia panoramica imersiva

Click aqui para ver a foto 360 graus acima

FOTO 360 GRAUS DA CRATERA NA RUA DOS INVALIDOS

Click na foto 360 graus acima para ver o tamanho da cratera aberta na obra que fica na esquina da Rua dos Inválidos quase na esquina com a Rua do Senado.
A Igreja de Santo Antônio dos Pobres está escorada e será recuperada em breve e assim que estiver pronta farei outra foto 360 graus.

Moradores do edifício 22 da Rua dos Inválidos, que se moveu 5 centímetros e está interditado desde quinta-feira última, conseguiram ordem judicial para mandar a construtora W Torre paralisar a obra vizinha ao imóvel. A escavação para construção de um mega complexo de salas comerciais é suspeita de ter causado os danos que levaram a Defesa Civil a interditar oito edificações.

A Defesa Civil liberou o estacionamento na Rua do Senado e a Igreja Santo Antônio dos Pobres, também na Rua dos Inválidos. Segundo o órgão, o prédio 22 está escorado mas sem risco de desabar.

Essa Panorâmica Imersiva foi feita especialmente para ilustrar matéria no jornal O DIA Online, e a reportagem pode ser conferida aqui

Espero que gostem dessa foto 360 graus.

Post to Twitter Post to Delicious Post to Digg Post to Facebook Post to StumbleUpon

Fotos 360 graus da GUERRA do Trafico na Zona Norte do Rio

57 Comments | This entry was posted on Oct 17 2009

LEIA ABAIXO DAS FOTOS 360 GRAUS, O RELATO COMPLETO DESTE DIA 17 OUTUBRO 2009


Onibus incendiados na favela do Jacarezinho, Guerra do Trafico nas favelas da Zona Norte do Rio, sábado 17/10/2009, 17 de outubro de 2009, traficantes mortos, queda de helicoptero atingido por tiros de fuzil, Tunel Noel Rosa, Vila Isabel, Morro dos Macacos

Click aqui para ver a foto 360 graus acima

Onibus incendiados na favela do Jacarezinho, Guerra do Trafico nas favelas da Zona Norte do Rio, sábado 17/10/2009, 17 de outubro de 2009, traficantes mortos, queda de helicoptero atingido por tiros de fuzil, Tunel Noel Rosa, Vila Isabel, Morro dos Macacos

Click aqui para ver a foto 360 graus acima

Onibus incendiados na favela do Jacarezinho, Guerra do Trafico nas favelas da Zona Norte do Rio, sábado 17/10/2009, 17 de outubro de 2009, traficantes mortos, queda de helicoptero atingido por tiros de fuzil, Tunel Noel Rosa, Vila Isabel, Morro dos Macacos

Click aqui para ver a foto 360 graus acima

Onibus incendiados na favela do Jacarezinho, Guerra do Trafico nas favelas da Zona Norte do Rio, sábado 17/10/2009, 17 de outubro de 2009, traficantes mortos, queda de helicoptero atingido por tiros de fuzil, Tunel Noel Rosa, Vila Isabel, Morro dos Macacos

Click aqui para ver a foto 360 graus acima

Onibus incendiados na favela do Jacarezinho, Guerra do Trafico nas favelas da Zona Norte do Rio, sábado 17/10/2009, 17 de outubro de 2009, traficantes mortos, queda de helicoptero atingido por tiros de fuzil, Tunel Noel Rosa, Vila Isabel, Morro dos Macacos

Click aqui para ver a foto 360 graus acima

FOTOS 360 GRAUS DA VIOLÊNCIA NO RIO

Click nas fotos 360 graus acima para ver
A Guerra do tráfico na favela do Jacarezinho no sábado 17 de outubro de 2009.

Tudo aconteceu assim:
Estávamos eu e o Felipe Dana conversando e experimentado a nova Nikon D300S que acabara de chegar do USA junto com uma nova mochila Think Tank que é a mochila mais PRO do mercado internacional atualmente.
De repente o rádio chamou, era um motorista de táxi, um entre os que ajudam sempre a nos transportar para cá e para lá e também funcionam de informantes para nós.
Ele chamou o Felipe pelo rádio avisando que no bairro do Sampaio, pertinho do Morro dos Macacos havia acabado de cair um helicóptero e explodido.
Felipe me olhou e disse: – eu vou correr para lá, vamos e você faz fotos 360 graus também.

Meu filho caçula ainda dormia. Minha esposa havia saído para se exercitar e o filho mais velho estava na escola.
Topei e saimos correndo de bermuda mesmo e sandálias, nem tempo de colocar um tênis eu tive.
Era a hora de fazer algumas belas e documentais fotos 360 graus, panoramas imersivos como prefiro chamar.
Mas eu sou um purista, um dinossauro como chamam. Hoje a galera mais nova chama só de foto 360 graus mesmo, então entrei na onda também.

Saimos correndo pelas ruas do Rio. Felipe colocou um adesivo imantado de imprensa pelo lado externo do seu carro. O meu carro já está sempre adesivado para facilitar e sermos perdoados pelos policiais quando nos veem correndo atrás de algum flagrante.

Chegamos perto do Morro dos Macacos e já se ouvia o tiroteio. Policiais se esgueiravam entre os carros e se escondiam atrás dos postes e árvores de metralhadoras nas mãos, e no meio disso tudo as pessoas atordoadas. Muitos carros andavam pela contramão.
Era A GUERRA.
Abandonamos o carro numa calçada e resolvemos CORRER pelas ruas atrás de alcançar o ponto aonde o helicóptero havia caído.
Na ruas todos gritavam para voltarmos, para ter cuidado, para não ir para lá, naquela direção.
Eu liguei para o Bruno Bezerra e informei o que se passava comigo e aonde estava.

Tenho 54 anos e Felipe 24, corríamos como loucos e eu tentava não fazer feio para acompanhar ele que pratica ciclismo 3 x por semana pedalando durante 3 a 4 horas seguidas. E eu só pratico CADEIRA na frente dos computadores MACs.

Estávamos lá tentando fotografar o helicóptero destroçado, que havia se tornado um monte de ferros incandescentes, ardendo em brasa no meio de um campo de futebol de uma pequena Vila Olímpica, mas a polícia não deixava ninguém se aproximar. A imprensa estava chegando tbm, as TVs já tinham seus helicópteros sobrevoando o local, muitos cameras men circulavam tentando gravar algo, e os fotógrafos dos jornais começaram a chegar aos montes.

Um PM reclamava comigo por querer fotografar por cima dele, minha camera estava a 3 metros de altura e eu a esgueirava por cima de sua cabeça pedindo desculpa mas dizendo que eu precisava proteger ele e seu emprego mostrando ao mundo o que acontecia nas favelas do Rio.
Ele riu e disse que eu estava maluco, que era para sair dali antes que o Coronel mandasse me retirar com aquela geringonça da mãos.

Nisso eu olho para um lado e vejo que um cameramen da TV Record fala ao radio com uma voz estranha e olha para cima na direção do helicóptero da Record.
Algo estava acontecendo !!! E ele estava sendo imformado pelos olhos de quem estava lá no alto, vendo tudo.

De repente ele saiu correndo e gritando para o carro da Record.
Houve um tumulto, e sem saber porque ele corria a multidão entrou em pânico e todo mundo começou a correr sem destino para todos os lados. Homens, mulheres, crianças e cachorros.

Eu gritei pro Felipe apontando para o cara da Record que entrou no carro e saiu cantando pneus.
Um táxi que passava freiou assutado e parou, o Felipe não pensou duas vezes e simplesmente abriu a porta dele e pulou para dentro, eu me joguei por cima dele para dentro também, o motorista nos olhou assustado e eu gritei: – Não são armas, são cameras, somos fotógrafos …
em seguida o Felipe gritou mais alto ainda: – SEGUE AQUELE CARRO DA RECORD e a gente te dá uma grana !

O motorista se estusiasmou e sentou o pau no carro, um vectra acelerando e avançando todos os sinais e entrando na contra-mão atrás do carro da Record.
Brincamos dizendo: – Você tá gostando hein !
E o motorista disse: – Eu sempre quis fazer isso !
E sentava o pau no carro como um louco, tipo 007 perseguindo mesmo.

De repente o céu começou a ficar preto e entramos no meio de uma favela, era fumaça negra, mas o trânsito empacou, eram muitas pessoas correndo, carros engavetando um para cada lado, um tumulto nas vielas da favela.
Felipe jogou uma grana na mão do motorista do táxi e saltamos.

Nunca corri tanto na vida, cheio de equipamentos pendurados e pelo meio de uma favela em pleno momento de ataque, pânico e loucura.
Todos gritavam enquanto nós dois passávamos pelo meio das casas e ouvia-se ainda o barulho dos tiros ecoando longe.
Lá na frente ardia em labaredas gigantes um ônibus. Fomos os primeiros fotógrafos a chegar. Só a Record estava junto.
Pode-se ver isso na primeira foto acima quando ninguém mais está perto do ônibus e nem de meu ponto de vista central da foto 360 graus.
O ônibus começava a estourar os vidros e os pneus e a polícia chegou.

Comecei a fotografar e muitos fotógrafos foram chegando também. A cena estava uma loucura.
E novamente, todos olharam para o céu em outra direção e lá longe via-se outra nuvem de fumaça preta, maior ainda.
Começou a loucura de novo. Mas não tinha táxi ali, então pedimos carona a um carro de reportagem e entramos dentro, eu tive de ir sentado em cima do Felipe e caindo em cima de um outro fotógrafo que dentro do carro tentava transmitir suas fotos pelo laptop. Corríamos como loucos e o motorista do carro, um Siena prata só dizia que não podia correr mais pois o carro era dele e não da empresa. Mas assim mesmo ele tava indo muito rápido.
No banco de trás completamente torto eu só pensava que se batessemos, eu iria ser jogado ou esmagado contra as cadeiras da frente aonde uma reporter super gentil prometia que no dia seguinte traria comida e sanduíches para todos.
Isso, claro, SE conseguissemos sobreviver mais um dia hehehe.

Nos perdemos e de repente rodávamos em círculos pelas ruas da região com a buzina disparando para que todos saissem da frente, o que incluia até carroças puxadas por cavalos pangarés. Num certo momento avistamos o carro do G1 que também estava perdido rodando a procura do caminho para chegar no novo foco de fumaça.

Foi aí que nosso motorista teve um palpite e disse: vou por ali, e pegou uma rua e chegamos exatamente em frente aonde havia este outro fogo.
Era na favela do Jacarezinho, bem em frente a quadra da escola de samba.

A cena era impressionante, a fumaça era muita, o ar estava pesado e o calor era grande. Eu pensava nas fotos 360 graus que faria o tempo todo.
Muitos fotógrafos e carros começaram a chegar e todos corriam para fotografar.

Minha esposa me ligou dizendo que ela e meu filho caçula acabavam de me ver pela TV record, na tela; eu correndo na frente dos ônibus pegando fogo.
Eu lhe disse que estava tudo bem e que faria ótimas fotos 360 graus.

Depois fui saber que o G1 também gravara em vídeo e eu apareço bem na frente da camera deles fotografando em 360 graus, assim como de repente na hora de uma das explosões aparece o Felipe Dana correndo para fotografar por outro lado.
E ele me gritava: – Ayrton a porra da bateria do macbook acabou, está quase zerada eu preciso transmitir minhas fotos !!!!

Não havia luz na redondeza, descobrimos que atrás da fumaça do ônibus, haviam mais 2 outros ônibus também ardendo em chamas !!!
Aos poucos fomos percebendo que também havia um carro que estava encostado contra a parede do outro lado da rua e queimava. Acima do fogo de um ônibus havia um transformador de luz no poste e estava prestes a explodir por causa do calor. Foi quando os fios derreteram e começaram a cair , eu corri e falava ao telefone com o Bruno Bezerra, o outro fotógrafo associado que tuitava tudo que acontecia, me mantendo informado do que via na TV e na net, e eu contava para ele tudo que estávamos passando e como iam as fotos 360 graus que eu estava clicando sem parar.
Eu deixei o celular cair ao correr para fugir dos fios elétricos pegando fogo.

Voltei em seguida e peguei o celular e consegui falar com o Clício Barroso, o Presidente da Fototech, a melhor Associação de fotógrafos do Brasil, da qual nós somos associados também.
Mas a ligação caiu no meio e nem sei se ele me ouvia, mas eu dizia, ou melhor, gritava, que estávamos bem, apesar dos barulhos de sirene, fogo e explosões que ele ouvia ao fundo.

Os bombeiros chegaram e começaram a jogar água para apagar o fogo. Nesse momento consguimos ver que o Caveirão já estava do outro lado do incêndio aonde moradores estavam se juntando para ver a cena do caos.

Com a água, começou a fuligem, e tentar se aproximar do fogo para fotos era um exercício de respirar mal.

Pouco a pouco o fogo foi apagando e o Felipe me disse: – Ayrton eu preciso sair daqui para enviar as fotos.
Corremos pelo meio da galera e havia uma van que ia passando, sinalizamos pedindo para pegar uma carona.
O motorista nos olhou com aquela cara de quem nem estava ouvindo nada pois dentro da van o som comia solto a todo volume tocando um funk insuportável.

Pedimos a ele para nos levar de volta ao Morro dos Macacos aonde havíamos deixado nosso carro no meio da rua. O cara não queria, então oferecemos “um galo” e acenamos com uma nota de cinquentinha, implorando que nos tirasse dali. O Felipe disse que precisava chegar rápido até lá, por causa das fotos.

O carinha sorriu, aumentou mais ainda o funk, até eu quase ficar surdo e saiu como um louco cantando pneu e pronto, seguimos em rumo a nem sei aonde, mas por ruas, contornos por cima das calçadas, cruzamentos na contra-mão, sinais vermelhos, insano e com a porra daquele funk maluco me deixando surdo. Detalhe, na hora que ele arrancou com a van, a porta de trás ainda não estava fechada direito e o Felipe quase cai para fora ou no meu colo, nem lembro mais.
Eu só pensava nas fotos 360 graus que sairiam dali.

O resto foi normal, chegamos ao carro perto daonde o helicóptero havia caido, muitos policiais ainda estavam lá, muitos mesmo e fomos até Vila Isabel, ali no Planeta do Chopp, para usar a tomada elétrica, e então poder transmitir as fotos do Felipe para a AP.

Após isso, levei o Felipe de volta para a zona do conflito, e voltei para a zona sul com o carro, deixando ele lá.

A esposa dele estava querendo saber notícias dele e veio até a minha casa. Chegamos juntos, e eu lhe disse que ele estava bem.
Meus filhos me esperavam para almoçar e a vida segue … sempre com fotos 360 graus
:-)

Abçs

Vou montar mais fotos 360 graus !!!
Espero que gostem.
:-)

ENGLISH :

A 360 view of Rio´s Violence
click on the 360 pictures to check them out

The traffics war on Jacarezinho slum on October 17th

And that’s how it happened:
Felipe Dana and I were talking discussing and trying the new Nikon D300S that had just arrived from the US with the newest Think Thank backpack, one of the most PRO backpacks on the market nowadays.
Suddenly a taxi driver called on the walk talkie, he’s one of the guys he helps us out taking us here and there and is also some kind of informant.

Ha called Felipe on the cellradio saying that a helicopter had just been knocked down and exploded in Sampaio´s neighborhood .
Felipe looked at me and said: I’m on my way there and if you come with me you can take 360 pictures as well.

My youngest son was still asleep. My wife had left early to exercise and my oldest son was in school.

I jumped on and left on my shorts and sandals, I didn’t even have the time to put on shoes.
It was the time to take some pretty and documental 360 photos, or an immersion panorama like I prefer to call them.
I am what you can call a dinosaur. The young people only call them 360 photos I decided to do the same.
We were running throughout Rio’s streets. Felipe put some sort of sticker on his windshield saying that he was from the press. I always have one on my car, just in case if we needed to be “forgiven” by the cops who come to investigate.

We got closer to Macacos’ slum and we could already hear the shooting guns. Cops were between cars and hiding behind light posts and trees with guns. And in the middle there were a lot of people lost running around in the middle of chaos, a lot of cars were going the wrong way too.

It was the WAR.
We left the car on a sidewalk and decided to run on the streets to get a better view of the falling helicopter.
People were screaming for us to come back, to be careful, not to go on that direction.
I called Bruno Bezerra on the cellphone and told him what was going on and where I was.
I am 54 years old and Felipe 24, we were running like crazy and I was trying not to disappoint him, whom bikes 3 times a week for 3 to 4 hours straight. As for me I only sit in front of the computer in front of my Mac computers.

We were there trying to take pictures of the wrecked helicopter. It was transformed into flamed wrecks, burning in flames in the middle of a soccer field from a small Olimpic Ville. But the cops didn’t want to let anyone to get close to it.

The press was starting to arrive too. TV stations already had their helicopters flying over the scene, a lot of camera men trying to get some images and newspapers photographers were arriving in large groups.

A cop was complaining that I was trying to take pictures almost on top of him. My camera was 3 meters high and I was trying to talk him over saying that I was showing to the world what really happened at Rio’s slums and I was somehow protecting his job.

He started laughing saying that I was crazy and that I had better get out of there before the Sheriff told me to do it so.
That’s when I saw a cameraman from Record TV Station talking on the radio with a weird voice and looking up to their helicopter.

Something was going on!!! He was being informed from the person who was up there looking up at everything.
Suddenly he started running and screaming in direction to his car

It was crazy and without knowing why he was running through the crowd that was in panic and was running all over the place. Men, women, children and dogs.
I yelled at Felipe pointing the Record’s guy who had got into his car and left speeding.

A cab that was passing by stopped scared and Felipe didn’t think twice. He opened the door and jumped and I jumped on top of him. And the driver looked at us scared and I told him that we were holding cameras not guns and that we were photographers.
After that Felipe yelled to the driver: Follow that Record’s car and we will give you some money!
The driver got excited and started speeding the car, crossing all the red lights, going the wrong way following the car.

We started joking telling him that he was actually enjoying all that.
When he said that he always wanted to do that.
He was running like crazy it was like 007 on action.
Suddenly the sky got darker and we got in the middle of a slum. There was a black smoke all over. There was traffic, a lot of people running, cars crashing, it was a chaos in the middle of the slum alleys.

Felipe gave the driver the money and we jumped out of the cab.
I had never in my life ran so much full of equipment and inside of a slum in the middle of the craziness and panic

Everyone was yelling while we were going through the houses and we could hear the shot guns still.

In front of us a bus was in flames. We were the first photographers to get there with Record’s cameramen.
You can see that on the 1st picture above when no one else is close to the bus anymore and nor on my point of view.
The bus windows and tires started to explode and the cops arrived.
I started shooting pictures and some other photographers started to arrive. It was a chaos.

And again everyone was looking at the sky and we could see far another dark smoky cloud this time it was bigger.
And the craziness started again. There was not a cab there at this time so we asked for a ride on this press’ car. We got in and I had to sit on Felipe’s lap, falling over this other photographer who was trying to put the pictures from his camera on his laptop.
The driver was running like a crazy and said that the only reason he wasn’t going faster was the fact that the car wasn’t his. But he was still going pretty fast.

On the back seat the only thing I could think about was if we crashed… I was going to be thrown against the front seats where a really nice reporter was promising that the next day we was going to bring sandwiches and food for everyone.
That of course IF we survived one more day. We got lost and suddenly we were going in circles around the streets buzzing for everyone to get out. That included carriages pulled by some horses. At a certain time we saw a G1´s (another press) car that was lost too trying to find the smoke, when the driver decided to take a shortcut and we got exactly where this other fire was going on.
It was at the Jacarezinho slum, right in front of this samba’s rehearsal spot. The scene was impressing. There was a lot of smoke, the air was heavy and it was extremely hot and stuffy and I could only think about the 360 pictures I was going to shot. A lot of photographers started to arrive and were running to take pictures. My wife called and said that her and my youngest son had just seen me on TV, while I was running if front of a bus on fire.
I told her everything was fine and that I was going to take amazing 360 shots. After I heard that G1 had also recorded a video and I was right in front of their camera taking 360 shots, when the other explosion happened so they show Felipe Dana running to take pictures from another angle. He was screaming: Ayrton, the freaking Mac’s battery is almost done and I have to get my pictures in it.
There was no power around. And we found out that behind the smoke from the flaming bus there were 2 more buses on fire too!!

Suddenly we realized that there was also a car on the other side of the street that was on fire as well.

Above the flaming bus there was a power line that was about to explode because of the heat.

That was when the wires started to melt and started falling down. I started running and was on the phone with Bruno Bezerra, the other photographer I knew that was on twitter at the same time checking what was going on and keeping me informed about what he was watching on TV and on the web. I was telling him what was going on and how the 360 pics were coming out.

My cell phone felt off while I was running from the falling electric wires. I went back and got my phone and called Clício Barroso. Fototech´s (The best photographer’s association in Brazil) president.
The phone called was interrupted in the middle and I have no idea if he could hear me speaking or yelling, because we were in the middle of ambulances, fire and explosions.
The firemen arrived and started hosing water to get rid of the fire. At this moment we could see that the Caveirão (special car used by the special forces of Rio´s police department) was already on the other side of the fire were people who live on the slum were arriving to check the chaos.

With the water and the smoke trying to get close to the fire was making almost impossible to breath.

Slowly the fire was extinguished and Felipe told me: Ayrton I have to get out of here to get this pictures sent.

We started running in the middle of the crowd and saw this van passing through and we asked for a ride.
The driver gave us that weird look and couldn’t hear anything because of the terrible funk he was listening to on the radio.
We asked him to take us back to Macaco´s slum were we had left the car in the middle of the streets. He didn’t want to so we offered him some money and showed him a $50´s bill begging him to get us out of there.

Felipe said that he needed to get there fast because of the pictures.

The driver smiled, turned the volume even louder, to the point that I was getting deaf, and he left like a crazy, burning the tires and going in the direction of I don´t even know where… On sidewalks, wrong ways, going through red lights and that funk was driving me crazy.

When he started the van the back door was still opened and Felipe almost felt off. I cannot even remember the details. The only thing I could think about were the 360 photos I was going to get out of my camera.

The end was very normal. There were a lot of cops (I mean a lot!) were we had left the car still. So we went to Vila Isabel and stopped at a bar to use the power to get the pictures to the AP. Right after I took Felipe back to the conflicts spot and drove back to the south area leaving him there.

His wife wanted news about him and came to my house… I told her he was fine!

My kids and wife were waiting for me to have lunch.

And life goes on… Always with 360 degrees pictures!

THANKS to Shana Zanotta for the english translation !!!

Post to Twitter Post to Delicious Post to Digg Post to Facebook Post to StumbleUpon

Rio2016 foto 360 graus em Copacabana

62 Comments | This entry was posted on Oct 03 2009

Foto 360º graus da comemoração da vitória do Rio2016 em Copacabana, Rio de Janeiro, Praia de Copacabana, 02/10/09, 02 de outubro de 2009, 20091092, 2009, 10, 02, Festa na praia, multidão, esportes, Olimpíadas de 2016, Lulu Santos, Copacabana Palace, jovens, samba, Salgueiro, carnaval, futebol, futebol de areia

Click na foto 360 graus acima e veja com som ambiente a Comemoração de milhares de Brasileiros, nas areias da Praia de Copacabana quando é anunciada a vitória do Rio de Janeiro, para sediar as Olmpíadas de 2016.

A data histórica foi 02/10/2009.

O espírito de justiça brilhou nas vozes de todos ali presentes que ansiosamente aguardavam pela chance de hospedar a primeira Olimpíada a acontecer na América Latina.

Eu me emocionei e confesso que lágrimas me vieram aos olhos no momento do resultado. Fiquei feliz por saber que daqui a alguns anos estaremos mostrando ao Mundo que o Rio é a Cidade Maravilhosa e estaremos no centro da atenção e das mídias internacionais, o que com certeza impulsionará muitos negócios no nosso País e na minha Cidade que tanto amo.

Meus filhos estarão bem mais velhos e com certeza curtirão muito os eventos esportivos.
Eu espero poder fazer muitas novas fotos 360 graus assim como fiz durante o PAN RIO2007 e que podem ser vistas aqui no site também.

Este é um documento em 360 graus da emoção que tomou a todos neste dia. Espero que gostem e vejam outras fotos 360 graus que estão no blog.

360 abraços a todos e obrigado pelos comentários.


ENGLISH :
Click the picture above and look at 360 º surround sound with the Commemoration of thousands of Brazilians, on the sands of Copacabana Beach when it announced the victory of Rio de Janeiro to host the Olimpic Games of 2016.

FRANÇAIS :
Cliquez sur l’image ci-dessus et regarder à 360 ° de son surround avec la commémoration de milliers de Brésiliens, sur le sable de la Plage de Copacabana où il a annoncé la victoire de Rio de Janeiro pour accueillir la olimpíadas 2016.

Post to Twitter Post to Delicious Post to Digg Post to Facebook Post to StumbleUpon

Predileção 03 :: Márcio Garcia :: Panorama Imersivo 360 graus

13 Comments | This entry was posted on May 24 2009

Making-of de Predileção

Click na foto acima e veja em 360º
a filmagem de “Predileção”, o mais novo filme de Márcio Garcia, breve nos cinemas.

Click on the above photo to see 360º
the filming of “Predilection”, the latest movie by Márcio Garcia, at theaters soon.

Post to Twitter Post to Delicious Post to Digg Post to Facebook Post to StumbleUpon

Foto 360 graus Comunidade Santa Marta Rio de Janeiro

41 Comments | This entry was posted on May 20 2009

Foto 360 graus realizada na Favela Santa Marta em Botafogo no Rio de Janeiro com as criancas brincando e jogos na laje alem de muita desigualdade social perto da Rua Sao Clemente aonde eles soltam pipa correm pelo meio dos barracoes e barracos perto do barzinho com uma  paisagem deslumbrante do rio a sua frente uma verdadeira vista panoramica com o cristo redentor de bracos abertos sobre a cidade maravilhosa embora ainda seja uma comunidade carente agora mais protegida pela prefeitura do Rio

Click na foto acima e veja a foto 360 graus
Favela do Santa Marta, localizada em Botafogo, no Morro Dona Marta, Rio de Janeiro.
Conhecida como Santa Marta por causa de uma escultura da santa homônima e que fica guardada em uma capela bem lá no alto na parte mais alta da favela.

Essa mistura de nomes começou porque os jornalistas sempre chamaram de Dona Marta desde o início dos anos 80, porque ali perto, mais acima, tem o mirante com esse nome.

A nome parece que começou há muito tempo. Teve um Pde. Clemente que teria comprado TODAS as terras hoje forma o bairro de Botafogo. E ele em 1680, batizou o morro em volta das terras homenageando sua mãe, Marta, e que morreu alguns anos depois quando estava quase completando 100 anos. Por isso ficou o nome de Dona Marta.

E o mais interessante é que foi ele mesmo que mandou abrir uma trilha, um caminho que era para ligar a praia de Botafogo até a sua igreja, , e que hoje é conhecida como Rua São Clemente, aonde eu moro hoje e que é uma das mais importantes do bairro.

Outra coisa muito louca de se pensar é que TODO o terreno aonde está hoje a favela pertencia ao Colégio Santo Inácio !!!

A maioria dos primeiros moradores desse local, era formada pelas famílias que vieram trabalhar para ampliar a igreja do Colégio Santo Inácio. Eram agricultores que vieram do Vale do Paraíba logo depois da crise do Café em 1929.

ENGLISH :

Click on the above photo and see the whole 360 degree picture.
Favela Santa Marta is located in Botafogo, Rio de Janeiro on the Morro Dona Marta.

Know as Santa Marta because there is a statue of the saint of the same name in a chapel right there in the highest part of the Favela
This mixture of names began because Journalists always referred to Dona Marta since the early 80´s because near by there is a lookout with this name.
The name appears to have been there for many years. There was a priest Father Clemente who had bought ALL the land that today makes up Botafogo. In 1680 he named
the hill around the land honouring his mother, Marta who died some years later when she was almost finishing her 100th year.
Because of this the name became Dona Marta.

Of interest is that he was ordered to cut a trail; a track to connect Botafogo Praia (Beach) to his church.
This street now known as Rua Sâo Clemente is where I now live and is one of the most important of the neighbourhood.

Something else too crazy to think about is that ALL the land where the Favela is located once belonged to the College of Santo Ignacio.
The majority of the first inhabitants of this area was made up of families who came to work on the expansion of the church of the College of Santo Ignacio.
They were farmers who came from Vale do Paraiba affter the coffee crisis in 1929.

Post to Twitter Post to Delicious Post to Digg Post to Facebook Post to StumbleUpon

Foto 360º de Márcio Garcia na filmagem de Predileção (02)

23 Comments | This entry was posted on May 18 2009

Making-of do filme Predileção do ator e diretor Márcio Garcia

Click na foto acima e veja em 360º
a filmagem de “Predileção”, o mais novo filme de Márcio Garcia, breve nos cinemas.

ENGLISH :
Click on the above photo to see 360º
the filming of “Predilection”, the latest movie by Márcio Garcia, at theaters soon.

Post to Twitter Post to Delicious Post to Digg Post to Facebook Post to StumbleUpon

Márcio Garcia :: “Predileção” :: Panorama Imersivo 360 graus

23 Comments | This entry was posted on May 17 2009

Making-of de Predileção

Click na foto acima e veja em 360º
Márcio Garcia, dirigindo seu novo filme, “Predileção”, breve nos cinemas.

Click on the above photo to see 360º
Márcio Garcia, directing “Predilection”, his latest movie at theaters soon.

Post to Twitter Post to Delicious Post to Digg Post to Facebook Post to StumbleUpon

J R :: 28 Milímetros :: Mulheres :: Visita Virtual 360 graus :: Exposição e Instalação Fotográfica ::

30 Comments | This entry was posted on May 14 2009

JR | 28 Milímetros

Click na foto acima e veja em 360º
a exposição e instalação fotográfica de JR, na Casa França Brasil

Click on the above photo to see 360º
JR’s photo exposition and instalation at House France Brazil

Cliquez sur la photo pour voir 360º
la exposition du JR la Maison France Brésil

Post to Twitter Post to Delicious Post to Digg Post to Facebook Post to StumbleUpon

Foto 360 graus Favela Santa Marta Rio de Janeiro Brazil Panorama Imersivo

62 Comments | This entry was posted on Jan 11 2009

click na foto e veja Foto 360 graus realizada na Favela Santa Marta em Botafogo no Rio de Janeiro com as criancas brincando e jogos na laje alem de muita desigualdade social perto da Rua Sao Clemente aonde eles soltam pipa correm pelo meio dos barracoes e barracos perto do barzinho com uma  paisagem deslumbrante do rio a sua frente uma verdadeira vista panoramica com o cristo redentor de bracos abertos sobre a cidade maravilhosa embora ainda seja uma comunidade carente agora mais protegida pela prefeitura do Rio, Comunidade Santa Marta, favela, rio de janeiro, problemas sociais, crise no senado, lula, corrupção, polícia militar, traficantes, lixo, lixo urbano, ecologia em risco, pobreza, sofrimento, pésssimas condições humanas, comunidades carentes, botafogo, favela, morte de inocentes, poluição, lixo orgânico, lixo industrail, sujeira, esgoto, rede de esgoto, tubulações com problemas

Click na foto acima e veja a foto 360 graus
Favela do Santa Marta, localizada em Botafogo, no Morro Dona Marta, Rio de Janeiro.
Conhecida como Santa Marta por causa de uma escultura da santa homônima e que fica guardada em uma capela bem lá no alto na parte mais alta da favela.

Essa mistura de nomes começou porque os jornalistas sempre chamaram de Dona Marta desde o início dos anos 80, porque ali perto, mais acima, tem o mirante com esse nome.

A nome parece que começou há muito tempo. Teve um Pde. Clemente que teria comprado TODAS as terras hoje forma o bairro de Botafogo. E ele em 1680, batizou o morro em volta das terras homenageando sua mãe, Marta, e que morreu alguns anos depois quando estava quase completando 100 anos. Por isso ficou o nome de Dona Marta.

E o mais interessante é que foi ele mesmo que mandou abrir uma trilha, um caminho que era para ligar a praia de Botafogo até a sua igreja, , e que hoje é conhecida como Rua São Clemente, aonde eu moro hoje e que é uma das mais importantes do bairro.

Outra coisa muito louca de se pensar é que TODO o terreno aonde está hoje a favela pertencia ao Colégio Santo Inácio !!!

A maioria dos primeiros moradores desse local, era formada pelas famílias que vieram trabalhar para ampliar a igreja do Colégio Santo Inácio. Eram agricultores que vieram do Vale do Paraíba logo depois da crise do Café em 1929.

ENGLISH :

Click on the picture above and see the picture 360 degrees
Slum Santa Marta, located in Botafogo, in Morro Dona Marta, Rio de Janeiro.
Known as Santa Marta because of a sculpture of the saint of the same name and is stored in a chapel right there on top in the highest part of the slum.

This mixture of names began because journalists always called Dona Marta since the early 80s, because nearby, above, has the gazebo with that name.

The name seems that began long ago. Had a priest named Clement, who would have bought ALL terrain that now forms a district of Botafogo. And he in 1680, named the hill around the land honoring his mother, Marta, and who died some years later when he was completing nearly 100 years. So was the name of Dona Marta.

And most interesting is that even though he was ordered to open a path, a path that was to connect the beach of Botafogo to its church, which is now known as St. Clement Street, where I live today and is one of most important of the neighborhood.

Another thing too crazy to think about is that ALL the land where the slum is now belonged to School Santo Inácio !

Most of the early residents of this place, was formed by families who came to work to expand the church of School Santo Inácio. They were farmers who came from the Paraíba Valley soon after the coffee crisis in 1929.

Post to Twitter Post to Delicious Post to Digg Post to Facebook Post to StumbleUpon